Em 06 de fevereiro de 2019

A cor de 2019, definida pela Pantone, é chamada de Living Coral. É uma cor vibrante, porém suave, que nos acolhe e nos encoraja a ter atitudes espontâneas em um ambiente em constante transformação. Segundo a empresa, ela simboliza a busca inata pela alegria e a necessidade por otimismo, materializada no nosso desejo de se expressar se divertindo.

“Consumidores que anseiam por interações humanas e conectividade social, encontram nas qualidades humanas e agradáveis da Living Coral, uma resposta perfeita”, fortalece Leatrice Eiseman, diretora executiva do Pantone Color Institute.

A cor foi escolhida pela empresa após uma análise anual de tendências. Living Coral tem raízes nas décadas de 50 e 60, onde figurava na moda, na decoração e até em carros.

É uma cor bastante funcional! Com uma base laranja, ela complementa a maioria dos tons de pele, além de ser bem versátil para a decoração e uma opção saturada para fotos que publicamos nas redes sociais. Ela combina tanto com ambientes em tons pastéis, quanto com contrastantes, tipo azul escuro, grafite, preto e verde musgo.

Na decoração, o Living Coral pode ser utilizado como tom principal do cômodo, assim como para trazer calor, vida e suavidade em objetos decorativos. Porém, não deve ser utilizado nas duas funções, pois pode sobrecarregar o lugar.

Em ambientes mais íntimos, como um quarto, ela pode ganhar mais autonomia, estando presente em uma ou mais paredes do cômodo. Em cozinhas, banheiros ou ambientes exteriores, o mais seguro é usar a cor como elemento complementar à decoração.

Desde 1999, a Cor do Ano Pantone tem influência na criação de produtos e decisões em diversas indústrias, como a moda, movelaria, interiores, design de produtos e gráfico. O instituto sempre faz um estudo e lança tonalidades que refletem o momento da sociedade, de acordo com as necessidades e novidades do mercado.

Em 2018, a cor escolhida foi uma tonalidade roxa vibrante, a Ultra Violet, e, um ano antes, um verde chamado Greenery.

DÊ SUA OPINIÃO